domingo, 10 de setembro de 2017

TV Revolução 31 de Janeiro: uma TV Escolar feita por alunos e para alunos




O vídeo acima TV Revolução, descobri graças a indicação de Mob Nunes, no Facebook, e trata-se de iniciativa dos alunos da Escola Técnica Estadual 31 de Janeiro, da cidade de Campo Bom, Rio Grande do Sul Brasil, da criação de uma TV, "que noticia fatos e projetos da escola sendo a 'nave mãe' do Festcine31", que é o festival de vídeos estudantis da referida escola.
Uma bela iniciativa em que alunos entrevistam ex-alunos, professores e tratam de temas os mais variados dentro da escola e os disponibilizam em sua página do Facebook.
No vídeo em questão, um dos temas é a Gincana Literária na escola.
Saber utilizar as mídias e tecnologias da informação e da comunicação no ambiente escolar é o grande desafio e a grande possibilidade da educação estabelecer um canal aberto, não apenas entre professores e alunos, mas com a comunidade escolar e com outras escolas, numa rede social educacional, digital ou não.
Todo educador deverá no futuro ser de certa forma um mídia educador, valendo-se dos recursos de áudio, vídeo, internet, TV, rádio etc, adaptando-os ao seu fazer pedagógico, tendo como aliado e/ou monitor o próprio aluno. A coautoria surge ao natural, quando o projeto une simplicidade e criatividade, como a TV Revolução nos demonstra.
A grande revolução na Educação, talvez seja quando a comunidade descobrir a realidade da escola, seja através de blogs, sites, páginas em rede social, canais de vídeo no YouTube etc, tornando a educação um show de realidade, bem diferente de alguns reality show da TV.
Toda a sociedade reconhece a importância da educação, falta a devida valorização, que poderá ser atingida, quando conhecida a realidade das escolas.
Abaixo, mais um vídeo interessante, produzido pela TV Revolução 31 de Janeiro, entrevistando duas psicólogas que tratam sobre bullying no ambiente escolar, entre outros assuntos:



quinta-feira, 7 de setembro de 2017

Produção de Vídeo Estudantil: canal de comunicação para o II CBPVE




O vídeo acima é uma apresentação do canal Produção Vídeo Estudantil, organizado pelo prof. Josias Pereira da Faculdade de Cinema da Universidade Federal de Pelotas (UFPel), RS, Brasil e é mais um canal de comunicação para o CBPVE - Congresso Brasileiro de Produção de Vídeo Estudantil, que em 2017 promoverá sua segunda edição na cidade de São Leopoldo, RS, Brasil. A primeira edição ocorreu em Pelotas e o editor do Educa Tube Brasil José Roig teve o privilégio de auxiliar na organização do mesmo.
O cinema pode ser um ótimo aliado e recurso de interação entre o professor e o aluno, criando um acervo digital para a escola.
Abaixo, link para o acervo do canal:

PRODUÇÃO VÍDEO ESTUDANTIL

Abaixo, link para os interessados em participar do II Congresso Brasileiro de Produção de Vídeo Estudantil. As inscrições estão abertas até 30 de setembro:

II CBPVE

Veja a seguir, o link para o blog do evento:

CBVPE - BLOG

segunda-feira, 4 de setembro de 2017

Sala Aberta: um portal educacional e uma plataforma de ensino




A imagem acima é do portal educacional SALA ABERTA,fundado e dirigido pela Talita Moretto, Especialista em uso de tecnologias na educação, que reside em Ponta Grossa, Paraná, Brasil.
Há algum tempo acompanho, pela sua página no Facebook, o trabalho e a dedicação de Talita Moretto, sempre divulgando material pedagógico e tecnológico. Há um bom tempo que venho para divulgar o Sala Aberta, ainda mais que o mesmo concorre atualmente ao Prêmio Celestin Freinet, no 5º ECOMPG – Encontro de Comunicação e Educação de Ponta Grossa, na categoria “externa” (vide link abaixo, onde é possível votar no Sala Aberta):

Sala Aberta concorre a Prêmio Celestin Freinet

Conforme apresentação no próprio portal, o "SALA ABERTA é um espaço de compartilhamento de informações, materiais e recursos, e também um ambiente de ensino voltado para a formação de profissionais da educação.
[...] objetivo é dar suporte às instituições, organizações e grupos que atuam na área educacional, oferecer formação aos professores para que consigam adequar sua metodologia de ensino ao perfil do aluno atual, e também motivar que a criatividade seja incentivada dentro das escolas.
[...] que favorecendo a elaboração e o desenvolvimento de projetos criativos e práticas inovadoras é possível formar alunos mais críticos, participativos e conscientes do seu papel na sociedade.
A proposta é 'abrir a porta', aceitar novas metodologias, novas ideias, novos conceitos, novas vozes, novas experiências que, unidas, podem contribuir na construção de redes de aprendizagem".


O Educa Tube Brasil. por tudo isso, recomenda visitação ao SALA ABERTA, no link a seguir:

SALA ABERTA - PORTAL EDUCACIONAL

Abaixo link para o canal de vídeos do Sala Aberta no You Tube, com videoaulas "discutem temas atuais, que visam promover reflexões e debates importantes acerca da educação":

SALA ABERTA NO YOU TUBE



Sala Aberta no Facebook >>> AQUI

terça-feira, 22 de agosto de 2017

Bibliobike: a biblioteca itinerante sobre uma bicicleta, unindo o útil ao agradável




O vídeo acima, Bibliobike, foi indicação da amiga Bia Ulguim, a partir de divulgação da bibliotecária Lilian Martha Fischer Schwarz, ambas de Rio Grande (RS), via rede social, e trata-se de intervenção literária com Camila Miotto, que criou uma biblioteca itinerante sobre uma bicicleta, levando livros e poesia por onde passa na cidade de Chapecó, Santa Catarina, Brasil. Além disso, Camila, por onde passa faz contações de histórias.
Unir o útil ao agradável, a leitura e a bicicleta, o amor aos livros e o incentivo a leitura, são formas de tornar o sonho uma realidade para Camila. Uma bela e criativa iniciativa que o Educa Tube Brasil socializa.
Conforme informações obtidas no site BIBLIOBIKE:

"A BiblioBike é uma biblioteca itinerante. A ideia nasceu da paixão que Camila Miotto tem por livros, bicicletas e histórias.
O projeto deseja contribuir para que o amor pelos livros modifique a rotina das praças, parques e escolas por onde a BiblioBike passa. Os livros são oferecidos para leitura no local, envolvendo as pessoas que estão aproveitando seu dia de lazer, estimulando o gosto pela leitura.
O acervo conta com mais de 250 livros infantis, de poesia, contos e crônicas, além de livros em braile e audiolivros. A curadoria dos livros foi feita pelo escritor carioca Márcio Vassallo e Camila Miotto.
Esse projeto foi selecionado pelo Edital Municipal de Fomento e Circulação de Linguagens Artísticas do Município de Chapecó 238/2015, através da Secretaria de Cultura e tem o apoio da Livraria Educativa"
.

sábado, 19 de agosto de 2017

Uma nova versão dos contos de fadas tradicionais, na visão de escola pública em tempo integral




O vídeo acima, Uma nova versão dos contos de fadas tradicionais, descobri ao visitar a EMEF em Tempo Integral Prof. Valdir Castro, de Rio Grande (RS), Brasil, durante o 1º Seminário Práticas Pedagógicas na Educação Integral (16 a 18/08/2017).
O vídeo em questão, também intitulado "Um passeio pelos contos de fada", trata-se de um criativo e divertido curta-metragem criado e dirigido (em junho/2017) pela graduanda Kellen Benites de Oliveira Moraes, durante projeto de extensão "Socializando a leitura: vem ler" (ILA- Instituto de Letras e Artes da FURG - Universidade Federal do Rio Grande), no sexto ano da EMEF Prof. Valdir Castro", em que os alunos reescreveram os contos de fadas, adaptando-os a sua realidade local, tendo como cenário o pátio externo da escola, para depois editá-lo e disponibilizá-lo no canal de vídeos da escola (AQUI).
Um projeto que une literatura e cinema, arte e cultura, educação e tecnologia.
Ao final do vídeo, nos créditos, aparece todo o elenco. A Branca de Neve é a professora Ana Luisa Feijó Cosme, que é minha colega (não de turma, mas...) de Doutorado em Letras (FURG).
Nesta mesma temática, recomendo também a seguir, descoberta que fiz nos vídeos correlatos do You Tube, o Conto de Fadas às Avessas: Branca de Neve, do Programa Quintal da Cultura exibido em 17/07/12:



terça-feira, 15 de agosto de 2017

Poesia todo dia: menina angolana declama belo poema




O vídeo acima, Wende' a menina angolana declama um poema, encontrei na rede social e depois no canal Angola Escola. É ótimo material apara trabalhar poesia em qualquer idade. A arte está em toda parte e precisa estar mais integrada ao cotidiano familiar e escolar. A arte e a cultura que nos dão identidade e ultrapassam as fronteiras da cidade do país, correm o mundo, como neste vídeo.
Uma geração que é audiovisual requer metodologias audiovisuais integradas ao fazer pedagógico. Múltiplas linguagens podem ser utilizadas na sala de aula e no ambiente escolar. A poesia é uma delas.
Abaixo, breve entrevista de Wende1 para a TV Angolana:



segunda-feira, 14 de agosto de 2017

Pai sendo Pai na criativa montanha russa digital com seu filho




O vídeo acima Pai sendo Pai, foi indicação de minha esposa Elisabete Brasil Roig, educadora em Rio Grande (RS) Brasil e trata-se de criativa e divertida iniciativa de um pai com sua filha
O pai vale-se de coisas simples, como um organizador (caixa de plástico para guardar coisas), para simular um carrinho de montanha russa com a filha, diante de uma TV de tela grande, passando um vídeo, provocando um falso efeito 3D, bem humorado e provavelmente inesquecível para a criança.
Como diz certa propaganda: "Não basta ser pai, tem que participar..." E saber participar da formação dos filhos é saber usar seu imaginário junto ao dos filhos, valendo-se de brincadeiras, vídeos, jogos, livros, passeios, esportes etc.
Este blog educacional têm destacado iniciativas simples mas criativas que podem ser adaptadas ao cotidiano escolar, através da utilização de coisas que são de fácil acesso, adaptando-as ao contexto da educação.
O educador do futuro deverá ser um arte educador que usa e abusa da criatividade, do bom humor e da empatia. Nem sempre é preciso usar tecnologia de ponta, como conexão de internet, Google Earth etc para fazer um pequeno passeio pelo país da Imaginação.

terça-feira, 8 de agosto de 2017

Juventude Elétrica: breve história das TIC, cinema, música, TV e games dos anos 1970 a 1990 em um videoclipe




O videoclipe acima Tomorrow (Amanhã), da banda Eletric Youth (Juventude Elétrica, tradução livre deste blog) é um ótimo material para tratar de Tecnologias da Informação e da Comunicação (TIC) Mídias, Cinema, Televisão e Games nas décadas de 1970 a 1990, através das imagens de equipamentos que já foram modernos e expressão do futuro, naquele tempo, e que hoje são em sua maioria peças de museu.
Apesar disso, muito da cultura daqueles anos ainda está presente no cotidiano, seja através do acervo digital no Google e You Tube (duas máquinas do tempo), seja na memória sentimental de pais e professores, que foram filhos e alunos naquela época e que os incorporam em seu fazer pedagógico, como o faz o editor deste blog, seja nas influências na moda, no próprio cinema, TV, games etc a cada geração que atualiza aquelas invenções e programação.
Somos todos frutos de nosso memória e sem memória não possuímos história, nem identidade. Saber preservar esse patrimonial cultural material e imaterial é fundamental.

terça-feira, 18 de julho de 2017

Castelo Rá-Tim-Bum: todos os 90 episódios do seriado da TV estão disponíveis em canal do YouTube




O vídeo acima, Tchau, não! Até amanhã!, trata-se do primeiro episódio do antigo seriado da TV Cultura, chamado Castelo Rá-Tim-Bum, que descobri via tweet da colega e amiga Christiane Angelotti, de São Paulo (SP), Brasil, editora de livros de Literatura Infantojuvenil, de Educação e Publisher no site educativo Para Educar.
Conforme dados do portal Hypeness: O Castelo Rá-Tim-Bum nasceu nos anos 1990, e "Em 2013, uma pesquisa da BBC elegeu a TV Cultura como a 2a. melhor programação de TV do mundo, tendo o Castelo Rá-Tim-Bum como um dos seus mais importantes programas".
Este episódio inicial e todos os demais, num total de 90, estão disponíveis e completos em canal de vídeos no You Tube (vide link abaixo):

CASTELO RÁ-TIM-BUM - TODOS OS EPISÓDIOS NO YOU TUBE



Trabalhar com o imaginário infantojuvenil de filhos e alunos e com a bagagem cultural de pais e professores é promover o diálogo entre as gerações.

domingo, 9 de julho de 2017

Sonhos de Van Gogh por Kurosawa: grande lição de educação ambiental em pequena cena de cinema




O vídeo acima, Sonhos de Van Gogh, encontrei na rede social e é uma cena do filme Sonhos, de Akira Kurosawa, que é de uma beleza ímpar. O cineasta japonês neste projeto, contou coma ajuda preciosa de Stephen Spielberg, Francis Ford Coppola e George Lucas, para a confecção dos efeitos visuais, que são um primor, quando há literalmente um passeio dentro das obras do gênio holandês.
Conforme apresentação do referido vídeo no You Tube: "Trecho do quinto conto do filme Sonhos, de Akira Kurosawa: Um estudante de artes descobre-se dentro do vibrante e por vezes caótico mundo dentro dos trabalhos de arte de Vincent Van Gogh durante uma visita a um museu de artes".
Mais do que destacar a chamada Sétima Arte, pude, graças a divulgação do vídeo acima, contar com a contribuição do amigo Cid Branco, ator de teatro e ativista cultural, residente em pelotas (RS), Brasil, que me destacou outra bela cena do mesmo filme, intitulada A Aldeia dos Moinhos (vide abaixo), que para ele foi a melhor aula de educação ambiental que já teve na vida, e que tenho com concordar. O diálogo entre as personagens é de uma beleza e simplicidade tocantes, que nos faz refletir sobre a vida e o mundo em que vivemos.



Conforme apresentação do vídeo acima, no You Tube, editado por Mariana Bertuzzi:
"'A Aldeia dos moinhos', conta a história de um personagem caminhando com uma mochila nas costas, e que chega a uma aldeia, um pequeno paraíso ecológico, e lá ele encontra um senhor, habitante da aldeia, cuja sabedoria é denotada através do diálogo entre eles, e a simplicidade do mesmo, que aparenta ter uma idade bastante avançada, e mesmo assim, ainda faz as suas tarefas com disposição. O ancião faz uma crítica extremamente lúcida da sociedade industrial. E nos traz uma proposta tão simples e profunda para a civilização futura. Ele fala da simplicidade, da água limpa, do ar limpo, e do amor à vida. Os habitantes daquela aldeia, cujo nome específico não tem, vivem todos com saúde até uma idade avançada, e seus funerais são felizes celebrações da vida que se completou. Durante o diálogo, o visitante pergunta sobre a eletricidade da aldeia, e o ancião responde que não tem, e deixa claro que as pessoas ficam habituadas a comodidade e acabam jogando fora o que verdadeiramente é bom e tem sentido. Como exemplo disso, o ancião fala das estrelas que se consegue enxergar durante a noite escura. Fala também das lenhas em que eles não se sentem bem em derrubar as árvores, e já se bastam com aquelas que caem por si mesma, e até mesmo do estético das vacas que também é um bom combustível. O que o ancião fala é a mais pura verdade, pois as pessoas esqueceram que na verdade, elas são apenas uma parte da natureza divina e acabam por destruir o meio ambiente, ou seja o próprio de sobrevivência. As pessoas hoje são cada vez mais egoístas, mais solitárias mesmo estando cercado de pessoas e coisas, nas quais se orgulham muito. A verdade é que não se necessita de muito para ser feliz.

Como o editor do Educa Tube Brasil sempre comenta: a simplicidade é que permite a continuidade das ações, sejam individuais ou coletivas.

domingo, 18 de junho de 2017

Biblioteca Particular de Fernando Pessoa: acervo online hospedado na Casa Fernando Pessoa




A imagem acima, é da "Biblioteca pessoal do poeta Fernando Pessoa", que antes só era possível ter acesso visitando pessoalmente a CASA FERNANDO PESSOA, em Portugal. "Agora, todo esse acervo, constituído por 1140 volumes e pela coleção de manuscritos (ensaios e poemas) deixados pelo próprio poeta nas páginas desses livros passa a estar disponível online", no link abaixo:

BIBLIOTECA PARTICULAR DE FERNANDO PESSOAL

Conforme a Revista Prosa, Verso e Arte: "Este acesso à Biblioteca Particular de Fernando Pessoa foi possível graças a uma combinação de esforços da Casa Fernando Pessoa, de uma equipe internacional de investigadores e da Fundação Vodafone Portugal que acompanhou e apoiou a iniciativa".

sábado, 17 de junho de 2017

O que é criatividade? Belo vídeo sobre a importância da arte




O vídeo acima O que é criatividade? foi indicação via Facebook do colega e amigo Gilnei Coutinho, educador de Rio Grande (RS) Brasil.
Um vídeo que com imagens exuberantes e um texto poético, promove uma sensação de conforto a todos aqueles educadores, sejam pais ou professores, que são criativos e estimulam a criatividade de seus alunos e filhos.
Vídeo que trata do processo criativo e que destaca que a arte é maior que o mundo pois é ela que dá vida aos sonhos. Com mote de Khalil Gibran, promove uma reflexão sobre o próprio papel social do educador: "- Os vossos filhos/ não são vossos filhos:/ são filhos e filhas/ do chamamento da própria Vida./ Vêm por vosso meio/ mas não de vós;/ e apesar de estarem convosco,/ não vos pertencem". Assim também acontece com a arte. Depois de criado um trabalho e já não pertence ao autor, pois se torna independente e pertence à humanidade. E a arte, de fato, nos faz mais humildades diante da própria realidade do mundo em comunicação com o real reinventado pelo artista. Tornando o particular em universal. Para o artista, inspiração e respiração são quase sinônimos mesmo.
Muito interessante o termo "psiconauta", como o cosmonauta do universo criativo, pois nos teletransportamos para mundos diversos, com suas próprias leis e histórias. E como vídeo demonstra, há que termos humildade para respeitar os deuses, pois "Existe poesia em todo momento". E eu complementaria: "Existe arte em toda parte".
Um ótimo material, não apenas para ser usado pelos professores de artes, mas de história, filosofia, sociologia etc.

quinta-feira, 15 de junho de 2017

Filosofia na Educação: curso gratuito e online da USP, dirigido a educadores




O vídeo acima, trata-se do primeiro de um total de 28, do Curso online e gratuito FILOSOFIA NA EDUCAÇÃO, disponibilizado no You Tube pela Universidade Virtual do Estado de São Paulo, a Univesp, que é vinculada à USP - Universidade de São Paulo e que descobri no Twitter da colega e amiga Christiane Angelotti, que é editora de livros de literatura Infantojuvenil, de Educação e Publisher no site educativo Para Educar, de São Paulo (SP), Brasil.
Segundo a apresentação do mesmo, o curso tem como Objetivos da disciplina: "Oferecer aos participantes informações relativas a entendimentos do que seja Filosofia e relativas à relação entre Filosofia e Educação".
Conforme o Canal do Ensino: "O método do curso de Filosofia da Educação é o de Licenciatura, sendo o professor coordenador da disciplina o prof. Marco Antônio Lorieri. O objetivo da matéria é falar sobre a Filosofia e seu relacionamento estreito com a educação, além de trazer conhecimento base para aqueles que não possuem conhecimentos profundos sobre a filosofia".
Abaixo, o lista das 28 aulas que podem ser acessados pelo You Tube, através do canal de vídeo da UNIVESP:

Aulas 1 e 2– O que entender por Filosofia part.1 e 2
Aulas 3 e 4 – Relação Filosofia e Educação part. 1 e 2
Aulas 5 e 6 – A Filosofia que pensa a Educação part. 1 e 2
Aulas 7, 8, 9 e 10 – Antropologia filosófica e Educação part. 1, 2, 3 e 4
Aulas 11, 12, 13, e 14 – Teoria do Conhecimento e Educação part. 1, 2, 3 e 4
Aula 15 – O Ethos é a morada do homem
Aula 16 – Caráter reflexivo da ética
Aula 17 – Felicidade: O outro nome do bem comum
Aula 18 – Ética no contexto escolar
Aulas 19, 20, 21 e 22 – Política e educação part. 1, 2, 3 e 4
Aulas 23, 24,25 e 26 – Estética part. 1, 2, 3 e 4
Aula 27 – Retomada articulada dos conteúdos trabalhados nas aulas de…
Aula 28 – Retomada articulada dos conteúdos trabalhados nas aulas de…

sábado, 10 de junho de 2017

A ira de Poseidon: criativa animação sobre a poluição de plástico nos oceanos




O vídeo acima A ira de Poseidon, foi indicação via Facebook pela colega e amiga Marisa Barreto Pires, educadora de Rio Grande (RS), Brasil e trata-se de criativa e divertida animação produzida pela The Animation Workshop para conscientização sobre a poluição ambiental, atingindo os oceanos. Segundo dados: "A cada ano, 10 milhões de toneladas de plástico acabam no oceano". A mudança de comportamento é fundamental, e como diz a descrição do vídeo "Se não mudarmos o nosso comportamento, podemos acabar com mais plástico do que peixe no oceano".
O mais interessante é a linguagem visual adotada pela animação, em que o deus dos mares se revolta com a poluição e devolve ao consumidor na beira da praia, um jovem, usando os gestos desta geração. A linguagem verbal como a não-verbal, os clipes, as animações, as cenas de filmes etc, podem ser bons recursos didáticos para que as imagens transmitam uma mensagem de sensibilização para um projeto, atividade, uma campanha e outras coisas mais.
The Plastic Change promove campanha para combate à poluição de plástico, no endereço abaixo, contendo diversas cenas sobre essa problemática:
http://plasticchange.org/signup-pages/signup-overview/

quarta-feira, 7 de junho de 2017

Amizade e colaboração: As soluções estão muitas vezes mais perto do que você imagina




O vídeo acima, que intitulo "As soluções estão muitas vezes mais perto do que você imagina", a partir da frase final do mesmo, foi me sugerido pelo colega e amigo Alexsandro Oliveira e trata de amizade e colaboração, que se aprende na escola, entre colegas e amigos.
Um vídeo que deixa subentendido que um dos meninos vem para a escola com o recipiente da merenda vazio, e sai de aula. Quando retorna, uma surpresa: cada um dos colegas compartilhou com ele um pouco da merenda trazida de casa.
Uma comovente mensagem de solidariedade, de desapego, de amizade e colaboração.
E de fato: as soluções para os problemas, muitas vezes estão mais próximas do que imaginamos quando compartilhamos com os outros, "nossas certezas que são provisórias e dúvidas que são permanentes", como me disse certa vez uma professora na pós-graduação.

terça-feira, 6 de junho de 2017

Horta feita com Garrafas Pet e a irrigação automática (uma ideia sustentável)




O vídeo acima Horta com Garrafas Pet, descobri na página do facebook do colega e amigo Alexsandro Oliveira, educador de Rio Grande (RS) Brasil.
Trata-se de ideia sustentável, que de forma simples e criativa, favorecem a irrigação automática de uma pequena horta que pode ser criada em qualquer parte.
Um ótimo material para discutir sustentabilidade, reciclagem, meio ambiente e educação ambiental.