sábado, 19 de agosto de 2017

Uma nova versão dos contos de fadas tradicionais, na visão de escola pública em tempo integral




O vídeo acima, Uma nova versão dos contos de fadas tradicionais, descobri ao visitar a EMEF em Tempo Integral Prof. Valdir Castro, de Rio Grande (RS), Brasil, durante o 1º Seminário Práticas Pedagógicas na Educação Integral (16 a 18/08/2017).
O vídeo em questão, também intitulado "Um passeio pelos contos de fada", trata-se de um criativo e divertido curta-metragem criado e dirigido (em junho/2017) pela graduanda Kellen Benites de Oliveira Moraes, durante projeto de extensão "Socializando a leitura: vem ler" (ILA- Instituto de Letras e Artes da FURG - Universidade Federal do Rio Grande), no sexto ano da EMEF Prof. Valdir Castro", em que os alunos reescreveram os contos de fadas, adaptando-os a sua realidade local, tendo como cenário o pátio externo da escola, para depois editá-lo e disponibilizá-lo no canal de vídeos da escola (AQUI).
Um projeto que une literatura e cinema, arte e cultura, educação e tecnologia.
Ao final do vídeo, nos créditos, aparece todo o elenco. A Branca de Neve é a professora Ana Luisa Feijó Cosme, que é minha colega (não de turma, mas...) de Doutorado em Letras (FURG).
Nesta mesma temática, recomendo também a seguir, descoberta que fiz nos vídeos correlatos do You Tube, o Conto de Fadas às Avessas: Branca de Neve, do Programa Quintal da Cultura exibido em 17/07/12:



terça-feira, 15 de agosto de 2017

Poesia todo dia: menina angolana declama belo poema




O vídeo acima, Wende' a menina angolana declama um poema, encontrei na rede social e depois no canal Angola Escola. É ótimo material apara trabalhar poesia em qualquer idade. A arte está em toda parte e precisa estar mais integrada ao cotidiano familiar e escolar. A arte e a cultura que nos dão identidade e ultrapassam as fronteiras da cidade do país, correm o mundo, como neste vídeo.
Uma geração que é audiovisual requer metodologias audiovisuais integradas ao fazer pedagógico. Múltiplas linguagens podem ser utilizadas na sala de aula e no ambiente escolar. A poesia é uma delas.
Abaixo, breve entrevista de Wende1 para a TV Angolana:



segunda-feira, 14 de agosto de 2017

Pai sendo Pai na criativa montanha russa digital com seu filho




O vídeo acima Pai sendo Pai, foi indicação de minha esposa Elisabete Brasil Roig, educadora em Rio Grande (RS) Brasil e trata-se de criativa e divertida iniciativa de um pai com sua filha
O pai vale-se de coisas simples, como um organizador (caixa de plástico para guardar coisas), para simular um carrinho de montanha russa com a filha, diante de uma TV de tela grande, passando um vídeo, provocando um falso efeito 3D, bem humorado e provavelmente inesquecível para a criança.
Como diz certa propaganda: "Não basta ser pai, tem que participar..." E saber participar da formação dos filhos é saber usar seu imaginário junto ao dos filhos, valendo-se de brincadeiras, vídeos, jogos, livros, passeios, esportes etc.
Este blog educacional têm destacado iniciativas simples mas criativas que podem ser adaptadas ao cotidiano escolar, através da utilização de coisas que são de fácil acesso, adaptando-as ao contexto da educação.
O educador do futuro deverá ser um arte educador que usa e abusa da criatividade, do bom humor e da empatia. Nem sempre é preciso usar tecnologia de ponta, como conexão de internet, Google Earth etc para fazer um pequeno passeio pelo país da Imaginação.

terça-feira, 8 de agosto de 2017

Juventude Elétrica: breve história das TIC, cinema, música, TV e games dos anos 1970 a 1990 em um videoclipe




O videoclipe acima Tomorrow (Amanhã), da banda Eletric Youth (Juventude Elétrica, tradução livre deste blog) é um ótimo material para tratar de Tecnologias da Informação e da Comunicação (TIC) Mídias, Cinema, Televisão e Games nas décadas de 1970 a 1990, através das imagens de equipamentos que já foram modernos e expressão do futuro, naquele tempo, e que hoje são em sua maioria peças de museu.
Apesar disso, muito da cultura daqueles anos ainda está presente no cotidiano, seja através do acervo digital no Google e You Tube (duas máquinas do tempo), seja na memória sentimental de pais e professores, que foram filhos e alunos naquela época e que os incorporam em seu fazer pedagógico, como o faz o editor deste blog, seja nas influências na moda, no próprio cinema, TV, games etc a cada geração que atualiza aquelas invenções e programação.
Somos todos frutos de nosso memória e sem memória não possuímos história, nem identidade. Saber preservar esse patrimonial cultural material e imaterial é fundamental.

terça-feira, 18 de julho de 2017

Castelo Rá-Tim-Bum: todos os 90 episódios do seriado da TV estão disponíveis em canal do YouTube




O vídeo acima, Tchau, não! Até amanhã!, trata-se do primeiro episódio do antigo seriado da TV Cultura, chamado Castelo Rá-Tim-Bum, que descobri via tweet da colega e amiga Christiane Angelotti, de São Paulo (SP), Brasil, editora de livros de Literatura Infantojuvenil, de Educação e Publisher no site educativo Para Educar.
Conforme dados do portal Hypeness: O Castelo Rá-Tim-Bum nasceu nos anos 1990, e "Em 2013, uma pesquisa da BBC elegeu a TV Cultura como a 2a. melhor programação de TV do mundo, tendo o Castelo Rá-Tim-Bum como um dos seus mais importantes programas".
Este episódio inicial e todos os demais, num total de 90, estão disponíveis e completos em canal de vídeos no You Tube (vide link abaixo):

CASTELO RÁ-TIM-BUM - TODOS OS EPISÓDIOS NO YOU TUBE



Trabalhar com o imaginário infantojuvenil de filhos e alunos e com a bagagem cultural de pais e professores é promover o diálogo entre as gerações.

domingo, 9 de julho de 2017

Sonhos de Van Gogh por Kurosawa: grande lição de educação ambiental em pequena cena de cinema




O vídeo acima, Sonhos de Van Gogh, encontrei na rede social e é uma cena do filme Sonhos, de Akira Kurosawa, que é de uma beleza ímpar. O cineasta japonês neste projeto, contou coma ajuda preciosa de Stephen Spielberg, Francis Ford Coppola e George Lucas, para a confecção dos efeitos visuais, que são um primor, quando há literalmente um passeio dentro das obras do gênio holandês.
Conforme apresentação do referido vídeo no You Tube: "Trecho do quinto conto do filme Sonhos, de Akira Kurosawa: Um estudante de artes descobre-se dentro do vibrante e por vezes caótico mundo dentro dos trabalhos de arte de Vincent Van Gogh durante uma visita a um museu de artes".
Mais do que destacar a chamada Sétima Arte, pude, graças a divulgação do vídeo acima, contar com a contribuição do amigo Cid Branco, ator de teatro e ativista cultural, residente em pelotas (RS), Brasil, que me destacou outra bela cena do mesmo filme, intitulada A Aldeia dos Moinhos (vide abaixo), que para ele foi a melhor aula de educação ambiental que já teve na vida, e que tenho com concordar. O diálogo entre as personagens é de uma beleza e simplicidade tocantes, que nos faz refletir sobre a vida e o mundo em que vivemos.



Conforme apresentação do vídeo acima, no You Tube, editado por Mariana Bertuzzi:
"'A Aldeia dos moinhos', conta a história de um personagem caminhando com uma mochila nas costas, e que chega a uma aldeia, um pequeno paraíso ecológico, e lá ele encontra um senhor, habitante da aldeia, cuja sabedoria é denotada através do diálogo entre eles, e a simplicidade do mesmo, que aparenta ter uma idade bastante avançada, e mesmo assim, ainda faz as suas tarefas com disposição. O ancião faz uma crítica extremamente lúcida da sociedade industrial. E nos traz uma proposta tão simples e profunda para a civilização futura. Ele fala da simplicidade, da água limpa, do ar limpo, e do amor à vida. Os habitantes daquela aldeia, cujo nome específico não tem, vivem todos com saúde até uma idade avançada, e seus funerais são felizes celebrações da vida que se completou. Durante o diálogo, o visitante pergunta sobre a eletricidade da aldeia, e o ancião responde que não tem, e deixa claro que as pessoas ficam habituadas a comodidade e acabam jogando fora o que verdadeiramente é bom e tem sentido. Como exemplo disso, o ancião fala das estrelas que se consegue enxergar durante a noite escura. Fala também das lenhas em que eles não se sentem bem em derrubar as árvores, e já se bastam com aquelas que caem por si mesma, e até mesmo do estético das vacas que também é um bom combustível. O que o ancião fala é a mais pura verdade, pois as pessoas esqueceram que na verdade, elas são apenas uma parte da natureza divina e acabam por destruir o meio ambiente, ou seja o próprio de sobrevivência. As pessoas hoje são cada vez mais egoístas, mais solitárias mesmo estando cercado de pessoas e coisas, nas quais se orgulham muito. A verdade é que não se necessita de muito para ser feliz.

Como o editor do Educa Tube Brasil sempre comenta: a simplicidade é que permite a continuidade das ações, sejam individuais ou coletivas.

domingo, 18 de junho de 2017

Biblioteca Particular de Fernando Pessoa: acervo online hospedado na Casa Fernando Pessoa




A imagem acima, é da "Biblioteca pessoal do poeta Fernando Pessoa", que antes só era possível ter acesso visitando pessoalmente a CASA FERNANDO PESSOA, em Portugal. "Agora, todo esse acervo, constituído por 1140 volumes e pela coleção de manuscritos (ensaios e poemas) deixados pelo próprio poeta nas páginas desses livros passa a estar disponível online", no link abaixo:

BIBLIOTECA PARTICULAR DE FERNANDO PESSOAL

Conforme a Revista Prosa, Verso e Arte: "Este acesso à Biblioteca Particular de Fernando Pessoa foi possível graças a uma combinação de esforços da Casa Fernando Pessoa, de uma equipe internacional de investigadores e da Fundação Vodafone Portugal que acompanhou e apoiou a iniciativa".

sábado, 17 de junho de 2017

O que é criatividade? Belo vídeo sobre a importância da arte




O vídeo acima O que é criatividade? foi indicação via Facebook do colega e amigo Gilnei Coutinho, educador de Rio Grande (RS) Brasil.
Um vídeo que com imagens exuberantes e um texto poético, promove uma sensação de conforto a todos aqueles educadores, sejam pais ou professores, que são criativos e estimulam a criatividade de seus alunos e filhos.
Vídeo que trata do processo criativo e que destaca que a arte é maior que o mundo pois é ela que dá vida aos sonhos. Com mote de Khalil Gibran, promove uma reflexão sobre o próprio papel social do educador: "- Os vossos filhos/ não são vossos filhos:/ são filhos e filhas/ do chamamento da própria Vida./ Vêm por vosso meio/ mas não de vós;/ e apesar de estarem convosco,/ não vos pertencem". Assim também acontece com a arte. Depois de criado um trabalho e já não pertence ao autor, pois se torna independente e pertence à humanidade. E a arte, de fato, nos faz mais humildades diante da própria realidade do mundo em comunicação com o real reinventado pelo artista. Tornando o particular em universal. Para o artista, inspiração e respiração são quase sinônimos mesmo.
Muito interessante o termo "psiconauta", como o cosmonauta do universo criativo, pois nos teletransportamos para mundos diversos, com suas próprias leis e histórias. E como vídeo demonstra, há que termos humildade para respeitar os deuses, pois "Existe poesia em todo momento". E eu complementaria: "Existe arte em toda parte".
Um ótimo material, não apenas para ser usado pelos professores de artes, mas de história, filosofia, sociologia etc.

quinta-feira, 15 de junho de 2017

Filosofia na Educação: curso gratuito e online da USP, dirigido a educadores




O vídeo acima, trata-se do primeiro de um total de 28, do Curso online e gratuito FILOSOFIA NA EDUCAÇÃO, disponibilizado no You Tube pela Universidade Virtual do Estado de São Paulo, a Univesp, que é vinculada à USP - Universidade de São Paulo e que descobri no Twitter da colega e amiga Christiane Angelotti, que é editora de livros de literatura Infantojuvenil, de Educação e Publisher no site educativo Para Educar, de São Paulo (SP), Brasil.
Segundo a apresentação do mesmo, o curso tem como Objetivos da disciplina: "Oferecer aos participantes informações relativas a entendimentos do que seja Filosofia e relativas à relação entre Filosofia e Educação".
Conforme o Canal do Ensino: "O método do curso de Filosofia da Educação é o de Licenciatura, sendo o professor coordenador da disciplina o prof. Marco Antônio Lorieri. O objetivo da matéria é falar sobre a Filosofia e seu relacionamento estreito com a educação, além de trazer conhecimento base para aqueles que não possuem conhecimentos profundos sobre a filosofia".
Abaixo, o lista das 28 aulas que podem ser acessados pelo You Tube, através do canal de vídeo da UNIVESP:

Aulas 1 e 2– O que entender por Filosofia part.1 e 2
Aulas 3 e 4 – Relação Filosofia e Educação part. 1 e 2
Aulas 5 e 6 – A Filosofia que pensa a Educação part. 1 e 2
Aulas 7, 8, 9 e 10 – Antropologia filosófica e Educação part. 1, 2, 3 e 4
Aulas 11, 12, 13, e 14 – Teoria do Conhecimento e Educação part. 1, 2, 3 e 4
Aula 15 – O Ethos é a morada do homem
Aula 16 – Caráter reflexivo da ética
Aula 17 – Felicidade: O outro nome do bem comum
Aula 18 – Ética no contexto escolar
Aulas 19, 20, 21 e 22 – Política e educação part. 1, 2, 3 e 4
Aulas 23, 24,25 e 26 – Estética part. 1, 2, 3 e 4
Aula 27 – Retomada articulada dos conteúdos trabalhados nas aulas de…
Aula 28 – Retomada articulada dos conteúdos trabalhados nas aulas de…

sábado, 10 de junho de 2017

A ira de Poseidon: criativa animação sobre a poluição de plástico nos oceanos




O vídeo acima A ira de Poseidon, foi indicação via Facebook pela colega e amiga Marisa Barreto Pires, educadora de Rio Grande (RS), Brasil e trata-se de criativa e divertida animação produzida pela The Animation Workshop para conscientização sobre a poluição ambiental, atingindo os oceanos. Segundo dados: "A cada ano, 10 milhões de toneladas de plástico acabam no oceano". A mudança de comportamento é fundamental, e como diz a descrição do vídeo "Se não mudarmos o nosso comportamento, podemos acabar com mais plástico do que peixe no oceano".
O mais interessante é a linguagem visual adotada pela animação, em que o deus dos mares se revolta com a poluição e devolve ao consumidor na beira da praia, um jovem, usando os gestos desta geração. A linguagem verbal como a não-verbal, os clipes, as animações, as cenas de filmes etc, podem ser bons recursos didáticos para que as imagens transmitam uma mensagem de sensibilização para um projeto, atividade, uma campanha e outras coisas mais.
The Plastic Change promove campanha para combate à poluição de plástico, no endereço abaixo, contendo diversas cenas sobre essa problemática:
http://plasticchange.org/signup-pages/signup-overview/

quarta-feira, 7 de junho de 2017

Amizade e colaboração: As soluções estão muitas vezes mais perto do que você imagina




O vídeo acima, que intitulo "As soluções estão muitas vezes mais perto do que você imagina", a partir da frase final do mesmo, foi me sugerido pelo colega e amigo Alexsandro Oliveira e trata de amizade e colaboração, que se aprende na escola, entre colegas e amigos.
Um vídeo que deixa subentendido que um dos meninos vem para a escola com o recipiente da merenda vazio, e sai de aula. Quando retorna, uma surpresa: cada um dos colegas compartilhou com ele um pouco da merenda trazida de casa.
Uma comovente mensagem de solidariedade, de desapego, de amizade e colaboração.
E de fato: as soluções para os problemas, muitas vezes estão mais próximas do que imaginamos quando compartilhamos com os outros, "nossas certezas que são provisórias e dúvidas que são permanentes", como me disse certa vez uma professora na pós-graduação.

terça-feira, 6 de junho de 2017

Horta feita com Garrafas Pet e a irrigação automática (uma ideia sustentável)




O vídeo acima Horta com Garrafas Pet, descobri na página do facebook do colega e amigo Alexsandro Oliveira, educador de Rio Grande (RS) Brasil.
Trata-se de ideia sustentável, que de forma simples e criativa, favorecem a irrigação automática de uma pequena horta que pode ser criada em qualquer parte.
Um ótimo material para discutir sustentabilidade, reciclagem, meio ambiente e educação ambiental.

segunda-feira, 29 de maio de 2017

Inclusivos: a importância da arte e da cultura para a educação e a sociedade




O vídeo Incluyentes (Inclusivo), foi indicação via Facebook da colega e amiga Marisa Barreto Pires, educadora de Rio Grande (RS), Brasil e trata-se de ótimo material para refletir sobre a importância da arte e da cultura na sociedade.
Poesia, música, teatro, literatura e todas as manifestações artísticas e culturais e constroem uma pátria com ética e estética, pois a arte e a cultura "servem justamente para isso: para sensibilizar-nos, para fazer-nos mais compreensivos e inclusivos".
Talvez por isso mesmo que regimes autoritários, normalmente tentem restringir o acesso à arte e à cultura, criminalizando os artistas em geral.
Todo educador deveria ser um arte educador, pois a arte e cultura são linguagens universais que aproximam as gerações e as nações. E a atual geração é audiovisual e vale-se da arte e da cultura em seu cotidiano.
Um ótimo material para discutir o papel da arte e da cultura na educação e na sociedade com seu papel transformador.

sexta-feira, 12 de maio de 2017

História de Amor: publicidade que parece curta-metragem alerta sobre perfis falsos na internet




O vídeo acima, Love Story (História de Amor), encontrei no Twitter do portal BluesBus e trata-se de contundente alerta sobre o preocupante perigo dos perfis falsos nas redes sociais, expondo crianças à pedofilia, ao abuso, ao bullying e muito mais.
O vídeo que já milhares de visualizações e que é uma produção de agência de publicidade para empresa de telefonia do México. Como se fosse um curta-metragem de ficção, o mesmo inicia com uma narrativa de dois adolescentes que se conhecem pelo ciberespaço e idealizam o seu par romântico, a cada troca de mensagem e da afinidade e identidade que vai se formando. Mas com uma grande surpresa ao final.
Cabe salientar que em algumas dessas situações, o final da história real é preocupante e requer que os educadores, sejam pais ou professores alertam seus filhos e alunos para essa triste realidade.

domingo, 16 de abril de 2017

Cartografia poética: o mapeamento da Europa através das mais expressivas obras de arte de cada país




A incrível imagem acima, que batizei de Cartografia poética, descobri via Twitter do jornal El País, da Espanha e trata-se de criativo mapeamento da Europa através das mais expressivas obras de arte de cada país, destacando mestres da pintura como Picasso (Espanha), Da Vinci (Itália), Monet (França), Munch (Noruega), Klimt (Áustria), Magritte (Bélgica) etc.
Uma iniciativa que pode inspirar algum projeto semelhante unindo professores de Geografia, História, Artes e outros mais, com seus alunos, para fazer algo semelhante no Brasil, não apenas na questão das artes plásticas, mas da música, do folclore, da cultura em geral, numa espécie de colagem e mapeamento artístico, histórico e cultural de cada sociedade.
Para saber mais sobre a ideia original, recomendo visita ao link da notícia no jornal, logo a seguir:

Obras de arte por países: el mapa de Europa con sus cuadros más famosos, via El País

sexta-feira, 14 de abril de 2017

Mapeando o olhar: a Geografia poética dos mapas invertidos




O vídeo acima, que batizei de Mapeamento do Olhar, descobri no Twitter de ¯\_(ツ)_/¯‏ e trata-se de criativa animação em forma de GIF que une os mapas da América do Sul e da África, formando uma surpreendente cabeça de T-Rex, justo no berço da vida.
Uma beça ideia que resolvi fazer upload no You Tube para poder compartilhar em meu blog educacional como forma de refletir justamente sobre a poética do olhar as coisas além do seu sentido usual, tentando inverter este olhar para perceber outras possibilidades ao redor, seja na Geografia, na História, na Arte e em toda parte.



Quando compartilhei este vídeo e a imagem acima, do mapa do continente americano no Facebook, que lembra o formato de um imenso pato... (Donald?...), o colega e amigo Paulo Medeiros, educador de Currais Novos (RN) que reside e trabalha em Blumenau (SC), Brasil (que foi também meu orientando na especialização em Mídias na Educação), e que me indicou outros mapas, como do estado de Santa Catarina (SC), que lembra a silhueta da cabeça de uma mulher de pescoço longo e a de seu estado natal, o Rio Grande do Norte (RN) que colocada de cabeça para baixo parece um enorme elefante com tromba e tudo.





Como fotógrafo amador, vivo tirando fotos oblíquas, de pontos conhecidos das cidades em que visito e muitas vezes até moradores delas não reconhecem aquelas imagens, pois foge do lugar-comum, e provoca uma poética do olhar.
Este blog educacional e seu editor propõe a partir destas imagens e GIF um projeto a outros educadores, unindo arte, cultura, história, geografia, arte e muito mais, em pesquisas na internet, em visitas ás bibliotecas e em saídas de campo procurando captar imagens invertidas de outras coisas que possuam ser associadas ao conteúdo. Desafio feito, aguardando imagens para divulgação!